Resenha da Bia: Meu Mecânico Indecente de Luísa Aranha e Mari Monni



Olá Queridos Leitores ! Hoje é segunda, dia de II Resenha da Bia II. Hoje a resenha será do livro da parceira do meu Instagram, Luísa Aranha, escrito em parceria com a autora Mari Monni. O livro faz parte da Série Meus Amores, até então foram publicados 4 (quatro) livros. Esta resenha, é do segundo livro da série “Meu Mecânico Indecente”. Os livros podem ser lidos separadamente, eu mesma comecei por esse livro, depois voltei e li o primeiro.

SINOPSE: Quando Eric recebe uma ligação, em um domingo de manhã, avisando que terá que consertar um ônibus enguiçado, nem imagina que sua vida irá mudar tão drasticamente.
Era uma vez um mecânico do interior que conheceu a patricinha da cidade grande... O resultado desse encontro? Uma paixão fora de controle.
Sissi, a tecladista da banda Estrogenium, é um livro fechado, mas com uma bela capa. E sua história ninguém conhece.
Uma mulher espirituosa e bastante inusitada, que vai fazer de tudo para amolecer o coração do mecânico.
Por obra do destino, os dois precisam conviver durante alguns dias, e vai ser uma semana de amor, ódio e muito tesão.
Mas a semana chega ao fim. Só basta saber se aquilo que eles construíram também irá acabar.
Alerta: Mantenha a distância se você não gosta de homens sarados, sujos de graxa e que não têm medo de dizer, em detalhes, o que pretendem fazer com uma mulher entre quatro paredes. 

RESENHA: Primeiro preciso dizer, que já li todos os livros publicados da série. E dos 4, este é o meu preferido. Não sei explicar corretamente o por que, mas acho que a arrogância do Eric, o mecânico, me ganhou, então, de todos que li até então, este tem lugar especial.

No segundo livro, continuando as aventuras da Banda Estrogenium, temos como foco Sissi, a tecladista da Banda. As meninas estão em turnê, quando em uma pequena cidade do interior, o ônibus estraga, e uma delas precisa ficar para aguardar o conserto, e a ‘premiada’ foi Sissi, e o único mecânico disponível para resolver o problema é Eric.

Eric é um mecânico, daqueles de calendário (rs rs rs), lindo, gostoso e mulherengo. O livro já inicia com uma pegada mega hot, com Eric e duas moças, precisando pausar seu momento ‘ménage’ para atender a chamada do ônibus quebrado da banda.

Como uma boa história clichê, que amo, quando Eric chega para socorrer o ônibus estragado, se depara com 5 mulheres, e, de cara fica encantado com Sissi, e vice-versa. Entretanto o encantamento inicial, não dura, pois, os pré-julgamentos de cada um vem a tona. Eric acha Sissi uma patricinha, e, Sissi acha Eric um arrogante e mulherengo.

No decorrer a história, a atração entre os dois é inegável, entretanto eles ficam em um jogo de gato e rato. Existe também alguns momentos que se percebe que Sissi guarda um segredo, inclusive de suas amigas da banda Estrogênio, o qual ela se envergonha, e quando vem a tona, causa um grande problema entre ela e Eric.

O livro é mega divertido, Sissi é uma personagem espirituosa, engraçada e com perguntas que te fazem chorar de rir. Eric é aquele tipão arrogante, que te conquista de uma maneira muito inusitada. É uma série leve, engraçada e envolvente, para você ler e rir muito.

Gostou do livro ? Conhece a série ? Ainda não ! Super recomendo. Deixe nos comentários sua opinião.

Série Meus Amores
Autoras: Luísa Aranha e Mari Monni
Editora: Sociedade Secreta Editorial
Gênero: Comédia Romântica Hot
Classificação: 18a.
Páginas: 235
Nota: 5/5

Sigam minhas redes sociais:

Share this:

JOIN CONVERSATION

9 comentários:

  1. Eu não costumo ler muito no gênero, mas achei a premissa interessante, gosto dessa dose de humor que deixa a leitura mais leve e descontraída. A personagem também chamou minha atenção, sem falar que esse jogo de gato e rato é muito divertido também. Não descarto uma leitura futura. bjs

    ResponderExcluir
  2. Acho esse tipo de história meio clichê muito legal, confesso que sou amante desses romances estilo gato e rato que culmina num amor incrível haha Esse livro pareceu divertido também, fiquei com vontade de ler!

    ResponderExcluir
  3. Só de saber que a leitura é divertida com situações leves me agradou bastante. Somando isso ao detalhe de que esse mecânico é simplesmente um deus grego, Essa é uma das leituras imperdíveis. Ainda não tive a oportunidade de conhecer a escrita da autora mas pretendo fazer isso em breve.

    ResponderExcluir
  4. Só de saber que a leitura é divertida com situações leves me agradou bastante. Somando isso ao detalhe de que esse mecânico é simplesmente um deus grego, Essa é uma das leituras imperdíveis. Ainda não tive a oportunidade de conhecer a escrita da autora mas pretendo fazer isso em breve.

    ResponderExcluir
  5. Fico feliz que a leitura seja divertida e que tenha te agradado tanto.
    Mas infelizmente não é meu tipo de livro,mas com certeza a sua resenha está ótima e desperta interesse!!

    ResponderExcluir
  6. Confesso que hot não é o meu forte, mas acredito que a comédia romântica presente nesse livro deve ser daquele tipo que te arranca ótimas risadas! Adorei sua resenha, super caprichada <3
    (http://livrosdagabi.com)

    ResponderExcluir
  7. Adorei a sua resenha desse livro da autora parceira! Gostei bastante de poder conhecer mais a respeito desse enredo delicioso que apresentou aqui pra gente dessa obra incrível. Fiquei ainda mais curiosa e deu vontade de conferir depois, quando for possível. Meus parabéns pelo capricho!

    ResponderExcluir
  8. Mesmo não sendo meu estilo de leitura, percebi pela resenha que o livro é tranquilo de se ler, com certeza é um prato cheio para quem gosta dessas Tipo de história.

    ResponderExcluir
  9. Que legal quando a leitura nos prende! A gente percebe na sua resenha tão solta, talvez também por ter lido todos da série! Parabéns! Eu tenho muita dificuldade em ler séries justamente por precisar da continuidade, mesmo gostando da proposta. Para conseguir dar continuidade é q pq é boa mesmo!
    Beijinhos!!!

    ResponderExcluir

São proibidas palavras impróprias ou xingamentos.

Sugestões, dúvidas, elogios e críticas construtivas são sempre bem vindos!

Obrigada pelo comentário!